O ministro Jorge Mussi, do Tribunal Superior Eleitoral, acatou nesta quinta-feira (15/8) a mudança de nome do Partido Republicano Brasileiro para Republicanos.

Na decisão, o ministro afirmou que o tribunal tem fixado essa possibilidade em casos similares, como os dos partidos Solidariedade e Avante, uma vez que inexiste prejuízo à lei.

“No mais, a pretendida mudança observou os termos preconizados no art. 7º, § 3º, da Lei 9.096/95, porquanto a nova nomenclatura não induz a erro ou a confusão”, disse.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *