MP do Tocantins aprova licença-prêmio retroativa a 15 anos para promotores

Eles justificam que todos os outros Estados do País, incluindo Rondônia, já gozam do benefício Os procuradores de Justiça do Tocantins aprovaram para si o direito de tirar três meses de licença prêmio a cada cinco anos trabalhados, além do pagamento em dinheiro, para ativos e aposentados, do benefício equivalente […]