Juiz de SP condena homem a mais de mil anos de prisão por estuprar 63 vezes sua enteada de 5 anos

Padrasto abusou sexualmente de criança durante cinco anos, em Bálsamo, no interior de São Paulo; advogado de acusado já recorreu contra a decisão Um homem foi condenado a 1.008 anos de prisão pela Justiça de Fernandópolis, no interior de São Paulo, por estupro de vulnerável. Segundo a sentença, o acusado […]